O que o consumidor busca nas redes sociais?

Para este artigo, utilizei algumas observações feitas por Cláudio Torres, em seu livro “A Bíblia do Marketing Digital”. Já falamos sobre planejamento, conteúdo relevante, linguagem diferenciada, e outros assuntos relacionados ao ambiente online. No entanto, para que possamos executar todos estes tópicos, precisamos conhecer quem vamos atingir nas redes sociais.

Dados de várias pesquisas divulgadas no decorrer deste ano apontam que parte esmagadora dos acessos são das classes A, B e C. Conforme Torres, esse público busca diversão, relacionamento e informação. Fazem uso das ferramentas de busca, são usuários ativos das redes sociais e lê muito.

Ter em mente essas informações é fundamental para que possamos desenvolver nosso planejamento estratégico. Precisamos entender como esse consumidor se comporta, pensa e age no ambiente online.

redes-sociais-compras redes sociais O que o consumidor busca nas redes sociais? redes sociais compras

Quando o consumidor entra no mundo virtual, surgem alguns comportamentos diferentes da vida real, que impõe limites de tempo, espaço ou dinheiro. Lembre-se que o consumidor não está na internet para fazer a mesma coisa que fazia em outra mídia. A internet evoluiu justamente para atender às demandas provenientes das dificuldades e barreiras encontradas pelos consumidores.

De acordo com Torres, o consumidor quando está conectado, tem três necessidades: informação, diversão e relacionamento.

Todos nós que acompanhamos a transição da Web 1.0 para a Web 2.0 (e agora a Web 3.0), sabemos que é de conhecimento comum, que “encontramos tudo” na internet. Basta colocar algumas palavras, fazer alguma pergunta e pronto, já temos a resposta. Esse senso comum leva ao consumidor esta confiança de buscar informações na internet.

No entanto, por ser algo muito colaborativo, precisamos ficar atentos se as informações encontradas são de total confiança. Cabe a nós produzirmos conteúdo relevante para nossos clientes, para que seja facilmente encontrado e assimilado como material que pode ser usado para informar e instruir.

Em relação à diversão, não faltam opções de sites e aplicativos agregados às redes sociais. Quando caem no gosto do público, logo se espalha e ganha seu público fiel.

Relacionamento é a palavra-chave para todas as empresas que estão no ambiente online. São páginas, grupos, tudo para criar a sensação de proximidade, uma vez que a comunicação instantânea é um fenômeno muito forte.

Mesmo não havendo regras estabelecidas, não podemos invadir o ambiente do consumidor sem consentimento. Que tipo de trabalho vem sendo realizado para que haja aproximação entre a empresa e o usuário? Isso reflete no ambiente off-line? Pode ser algo perigoso mostrar algo no mundo virtual que não é no mundo real. Ninguém gosta de ter seu espaço invadido, por isso nada de interagir sem consentimento.

Planeje em cima das informações que coletar e invista em um conteúdo encantador. O segredo é esse!

 

Via > ideiademarketing

Compartilhe